Pode ostentar, torcedor do Cruzeiro: o maior campeão da Copa do Brasil sabe jogar a competição como ninguém. Nessa quarta-feira (17), a equipe de Mano Menezes garantiu o título em Itaquera, o segundo seguido e o sexto em sua história, deixando para trás o Grêmio. Não bastasse a conquista, ainda embolsou o nada modesto prêmio de R$ 50 milhões.
Em 2017, o Cruzeiro já havia ganhado um total de R$ 13,3 milhões com a conquista da Copa do Brasil, somando a premiação e sua participação em oito fases do torneio. Neste ano, esse número saltou para R$ 61,9 milhões - além dos R$ 50 milhões de premiação, são R$ 2,4 milhões por participar das oitavas de final, R$ 3 milhões por disar as quartas de final e R$ 6,5 milhões por ser semifinalista. Um total de R$ 75,2 milhões para premiar um clube que se planejou para conquistar Copas nas últimas temporadas sob o comando de Mano Menezes, especialista na competição.