O dep. Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) foi confirmado como ministro da Saúde no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), conforme anúncio feito pelo capitão reformado nesta terça-feira (20).

O anúncio foi feito pelo Twitter, após o presidente eleito ter se reunido com representantes das Santas Casas e parlamentares da Frente Parlamentar da Saúde. Mandetta será o terceiro ministro do DEM no governo Bolsonaro. Além dele, também foram anunciados Onyx Lorenzoni (DEM-RS) para a Casa Civil e Tereza Cristina (DEM-MS) para a Agricultura.

Mandetta é médico e já foi secretário de Saúde de Campo Grande. Ele estava no segundo mandato de deado federal, mas não tentou reeleição neste ano. Ele é investigado por tráfico de influência e fraude.

O presidente nacional do DEM e prefeito de Salvador, ACM Neto, afirmou em entrevista coletiva nesta terça-feira (20) que os nomes do partido que foram anunciados por Bolsonaro não foram indicações da legenda.