Praia da Costa Dourada, em Mucuri – Foto: Gildázio Fernandes

Segundo levantamento do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o município de Mucuri é o primeiro do extremo sul da Bahia com maior média salarial de trabalhadores formais. Eunápolis ficou em segundo.

Os dados constam do censo realizado pelo IBGE em 2015 e aponta que Mucuri detém a melhor renda salarial da região, superando também os municípios de Teixeira de Freitas, Porto Seguro e Itamaraju.

De acordo com a pesquisa, a média em Eunápolis é de 2,3 salários mínimos, maior até que a de Porto Seguro, de 1,9 salários mínimos (em 6º lugar na região), que, além de ser cidade turística, possui uma população maior: 126.929 habitantes. A população eunapolitana é de 100.196 pessoas.

O levantamento mostra ainda que Eunápolis tem 19,6% da sua população ocupada. Porto Seguro tem 22,2%.

A relação dos oito municípios com maior renda salarial no extremo sul é a seguinte: Mucuri, 3,5 salários mínimos; Eunápolis: 2,3; Medeiros Neto e Teixeira de Freitas: 2,0; Itagimirim, Nova Viçosa e Porto Seguro: 1,9; Alcobaça e Prado: 1,8; Caravelas, Guaratinga, Itabela, Santa Cruz Cabrália: 1,7; Ibirapuã, Itamaraju, Itanhém, Lajedão: 1,6; Jucuruçu e Vereda: 1,4.

BELMONTE

Em 2015, o salário médio mensal era de 2.0 salários mínimos. A proporção de pessoas ocupadas em relação à população total era de 6.8%. Na comparação com os outros municípios do estado, ocupava as posições 66 de 417 e 224 de 417, respectivamente. Já na comparação com cidades do país todo, ficava na posição 1987 de 5570 e 4416 de 5570, respectivamente. Considerando domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, tinha 46.9% da população nessas condições, o que o colocava na posição 328 de 417 dentre as cidades do estado e na posição 1896 de 5570 dentre as cidades do Brasil.