Gisele(filarmônica de Nanuque) a única maestra até o momento a participar dos encontros de Belmonte
 
Belmontenses e visitantes assistiram na tarde desse domingo (19/12) um dos maiores eventos musicais da Costa do Descobrimento. Com a participação de oito filarmônicas, sendo seis convidadas e duas de Belmonte, aconteceu o 4º Encontro de Filarmônicas de Belmonte. O evento é realizado pela Comissão Organizadora do Encontro de Filarmônicas de Belmonte BA COEFB, aconteceu na Praça da Bandeira em um palco montado pela prefeitura do município ao lado da margem do Rio Jequitinhonha onde o público presente pôde curtir a beleza natural do fim de tarde belmontense ouvindo música de qualidade.
  
Filarmônica Nossa Senhora da Conceição de Itabaianinha Sergipe arrancou aplausos pelas ruas de Belmonte.  
As Filarmônicas participantes saíram em desfile pelas principais ruas da cidade e foram seguidas pela população belmontense e visitantes até o local das apresentações onde foram disponibilizadas cadeiras para que as pessoas se acomodassem para apreciar o grande que iria se iniciar.
A abertura do Encontro foi feita pelo Prefeito Janival Andrade que ressaltou em seu discurso a importância e a beleza da musicalidade belmontense. O prefeito  felicitou a Lyra Popular pela organização e ressaltou a importância do apoio que a mesma vem dando para os músicos de Belmonte. O prefeito disse que a valorização da música belmontense continuará  e que muitos projetos estão sendo elaborados para implementar e enriquecer ainda mais a cultura belmontense.
Logo após, quem assumiu o palco foi o Sr. Herculano Assis, Mestre de Cerimônia do evento. Herculano  conduziu todas as apresentações com maestria sempre ressaltando que aquele momento era uma confraternização entre os músicos que se reuniram para participar do maior e mais bonito espetáculo musical da região.
As Filarmônica 15 de Setembro e Filarmônica Lyra Popular de Belmonte, foram homenageadas durante o evento.
O público se levantou e cantou junto com a 15 setembro o hino de Belmonte de autoria do maestro João de Lira.