Com intuito de ampliar o acesso a inserção do Dispositivo Intrauterino (DIU) para as mulheres de toda comunidade Belmontese, a secretaria Municipal de Saúde de Belmonte, realizou nessa sexta feira 16 uma capacitação teórica direcionada aos médicos que atuam nas unidades de saúde da família em todo o município. 
A capacitação foi realizada pela ginecologista e obstetra do município a Dra. Sônia Vitorelli. Pensando no fortalecimento da rede, o município de Belmonte também recebeu os médicos de Santa Cruz de Cabrália para a capacitação.
"Com muita seriedade e responsabilidade vamos colocando em prática o plano municipal da rede cegonha que é fruto do nosso esforço e de toda solicitação da nossa comunidade. Abraçamos também os profissionais de  outros municípios por que somente juntos podemos melhorar a saúde da nossa região" falou o secretário Tárcio Lapa. O plano da rede cegonha de Belmonte contempla em suas ações um bloco direcionado ao planejamento familiar.
Toda mulher que está em busca de um método conptivo deve procurar ajuda profissional para avaliação da melhor conduta. O DIU é um método que evita a gravidez. Para prevenção das infecções sexualmente transmissíveis (HIV/Aids, sífilis e hepatites virais), o método mais seguro é o uso de preservativo masculino ou feminino.  
 
“O DIU é um método eficaz, prático, de longa duração, que não interfere nas relações sexuais e atende as necessidades conptivas da maioria das mulheres. Pode ser inserido em pacientes não grávidas, no período pós-parto e pós-abortamento, e o mais importante: não é abortivo. Buscamos com as capacitações periódicas, atualizar os profissionais envolvidos na inserção do método conptivo, tornando-os aptos para executar o procedimento, ampliando assim, o número de serviços de referência para inserção”, concluiu o Secretario