Prestação de Contas – Presidencial Eleição 2018:

JAIR BOLSONARO:

Recursos Arrecadados: R$ 4.150.097,17
Despesas Contratadas: R$ 2.452.212,91
Saldo: R$ 1.697.884,26

FERNANDO HADDAD
Recursos Recebidos: R$ 32.783.181,36
Despesas Contratadas: R$ 37.139.413,69
Déficit: R$ 4.356.232,33

Fonte: Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

OBS. 1.: Os recursos do Partido Social Liberal – PSL, em sua expressiva maioria, vieram de doações espontâneas. A pequena fatia do Fundo Partidário foi destinada exclusivamente às campanhas de candidatos nos Estados;

OBS. 2.: É impressionante como o PT  é um péssimo administrador. Recebeu uma fortuna do Fundo Partidário (recursos provenientes do dinheiro público dos pagadores de impostos) e torrou sem dó. Onde essa turma coloca a mão, o dinheiro acaba e ficam apenas dívidas.

É a velha máxima: se algum dia um  petista fosse designado para administrar o Deserto do Saara, faltaria areia no meio da gestão. Não duvido.